Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

Gaia!!!

Imagem
Chegamos a 29° semanas ...e dentro da minha barriga acontece uma micareta fora de epoca...heheh..eu explico...essa ,menina se mexe tanto,tanto, tanto,chuta tanto...que nao nega o 50% do sangue brasileiro dela...
Sao tantas mudanças e acontecimentos,que eu fico realmente zonza as vezes...mas è taaaaaaaaaoooo gsotoso...Essa relaçao com ela na minha barriga,essa troca,esse amor que sai por todos os meus poros( amor por ela,ta...que eu estoi ainda na velha e querida fase do tolerancia zero...hahahaha nao estou deixando escapar nada...hahahahahah ) que eu nem sei.... Nesses 7 meses de gravidez,praticamente troquei a noite pelo dia,ou melhor a noite pela tarde,porque de manha eu estou na atividade e depois do almoço me jogo no sofa...nao que isso me agrade muito,mas confesso que passo as noites entre minhas series preferidas e materias sobre bebes,maes de primeira viagem e etc...fiz uma playlist de videos de primeiro banho,primeira troca de roupa,troca de fraldas...ai que medo bom...hehhehe..…

O Bosque de Berkana

Imagem
Bendito seja o anseio que te trouxe aqui e que aviva a tua alma com assombro.
Que tenhas a coragem de acolher o teu anseio eterno.
Que aprecies a companhia crítica e criativa da pergunta “Quem sou eu?” e que ela ilumine o teu anseio.
Que uma secreta Providência Divina guie o teu pensamento e proteja o teu sentimento.
Que a tua mente habite a tua vida com a mesma certeza com que teu corpo se integra ao mundo.
Que a sensação de algo ausente amplie a tua vida.
Que a tua alma seja livre como as sempre renovadas ondas do mar.
Que vivas perto do assombro.
Que te integres ao amor com o arrebatamento da Dança.
Que saibas que estás sempre incluído no benévolo círculo de Deus.

Sabedoria Celta



Gaia -7 meses

Imagem
Este é um poema de amor 
tão meigo, tão terno, tão teu... 
É uma oferenda aos teus momentos 
de luta e de brisa e de céu... 
E eu, 
quero te servir a poesia 
numa concha azul do mar 
ou numa cesta de flores do campo. 
Talvez tu possas entender o meu amor. 
Mas se isso não acontecer, 
não importa. 
Já está declarado e estampado 
nas linhas e entrelinhas 
deste pequeno poema, 
o verso; 
o tão famoso e inesperado verso que 
te deixará pasmo, surpreso, perplexo... 
eu te amo, perdoa-me, eu te amo... 
"Poeminha Amoroso"

Cora Coralina

Florbela

Nunca fui como todos
Nunca tive muitos amigos
Nunca fui favorita
Nunca fui o que meus pais queriam
Nunca tive alguém que amasse
Mas tive somente a mim
A minha absoluta verdade
Meu verdadeiro pensamento
O meu conforto nas horas de sofrimento
não vivo sozinha porque gosto
e sim porque aprendi a ser só... Florbela Espanca